Li, gostei, mas não resenhei #2

Preciso dizer: ADOREI escrever essa coluna. ESPECIALMENTE depois de ler um livro como o que vou apresentar hoje – impossível de resenhar do jeito convencional.

Para quem tá chegando, pode olhar o primeiro post clicando aqui e entender um pouco melhor do que se trata a ideia. ;)

Uma Breve História do Tempo
Leia mais…

Música: Ariana Grande

Ariana Grande

O mundo da música é, e sempre foi, cheio de altos e baixos, novidades e clássicos, e, às vezes, algum artista surge do nada e vai parar no topo. Foi o caso de uma das grandes apostas de 2015: Ariana Grande.

Leia mais…

Resenha: Fangirl

Fangirl
Fangirl
de Rainbow Rowell,
editora Novo Século.

Quem acompanha o blog já sabe que virei fã de Rainbow Rowell depois que li o maravilhoso Eleanor & Park – uma das melhores leituras que fiz em 2014.

Fiquei absolutamente apaixonada pela forma de contar histórias da autora e corri para comprar o próximo exemplar disponível em português – não queria esperar meses até chegar em inglês e meu Kindle estava emprestado. Pois é.

E já adianto: não me arrependo. O livro não é tão bom quanto Eleanor & Park, tem alguns pontos mais fracos, mas é gostoso de ler e comprova que minha admiração pela autora é justificada.

Com esse título, mais do que simplesmente curtir a história, confesso que rolou uma identificação SINISTRA. Não pela personalidade da protagonista, mas pelo fato dela escrever fanfictions, algo que já fiz muito – e sinto saudades!

Leia mais…

Filme: Boyhood – Da Infância à Juventude

Boyhood

O diretor norte-americano Richard Linklater conquistou grande parte dos cinéfilos com sua trilogia “Antes do Amanhecer” (1995), “Antes do Pôr-do-Sol” (2004) e “Antes da Meia-Noite” (2013) ao abordar as fases e as oscilações de um relacionamento amoroso. Desse vez, seu mais recente longa, “Boyhood: Da Infância à Juventude” (“Boyhood”, no original), fala sobre o processo de crescimento e amadurecimento de um jovem e foi, para mim, um dos melhores filmes de 2014.

Leia mais…

Seriado: Gotham

Gotham

Qualquer fã que se preze sempre sente um medo quando escuta falar de uma adaptação de sua obra queridinha, certo? Às vezes (a maioria?), as adaptações de livros para o cinema não são muito bem feitas e, outras vezes, são absolutamente catastróficas. Posso não ler exatamente as HQs originais do Batman, mas quem, quando criança, não via na Sessão da Tarde ou na Temperatura Máxima os filmes antigos com o Val Kilmer e o Michael Keaton no papel de Batman? E quem não se apaixonou pela versão do diretor Christopher Nolan com Christian Bale?

Leia mais…

Fingi que não li #1

Pois é, ano novo e um monte de ideias antigas saindo do papel… No mês passado tivemos uma nova coluna – Li, gostei, mas não resenhei – e decidi, nesse mês, fazer uma coisa parecida, mas ao contrário!

CALMA, o título não é literal! Não são livros que vou passar a vida fingindo que não li (bem, não todos HAHAHA), mas livros que li, não gostei muito e perdi a vontade de resenhar de tanto que enrolei pra fazer isso. Com esse espaço novo, finalmente vou poder tirá-los da sombra e explicar melhor o motivo de não ter curtido tanto e, consequentemente, de ter “fingido que não li”. ;)

Espero que gostem da ideia, que busca ser bastante respeitosa, mas também saibam lidar com opiniões diferentes, ok? O espaço é livre para discussão, mas desde que seja muito bem educada. Agora, chega de papo furado e vamos lá!

The Casual Vacancy
Leia mais…

Pitaco do Leo: As Crônicas de Gelo e Fogo (Game of Thrones)

GoT

– Mermão, tu leu isso aqui? Que livro chato! Como as pessoas engolem isso?
– Do que ‘cê tá falando, Martin?
– Cara, se liga! Tudo que é livro de ficção é igual: tem mocinho e tem bandido. Mocinho só tem qualidades e bandido é só malvadeza. Mocinho passa perrengue durante o livro inteiro e o bandido só faz bobagem que nem aquele seu pug estúpido faria se quisesse caçar um gato. E, no final, o bem sempre vence. A vida não é assim!
– Hummm. E como seria a vida?
– Bicho, pra começar, tem que parar com essa chatice de bonzinho e malvadinho. Isso não existe! O que existe são vitoriosos e derrotados. É assim desde que o mundo é mundo@
– Mas a história mostra que o bem geralmente vence.
– Ô inocente, a história é escrita pelos vencedores.
– É, faz sentido… Mas a verdade é que isso aí não vende, Martin. Eu li uma pesquisa que diz que, se tu quer vender, tem que escrever sobre fantasia. Colocar uns dragões, forças do mal, reis, etc. Desde o Tolkien que ninguém escreve nada bom nessa área!
– Posso fazer os dois. Sou o cara!
– Vai escrever dois livros ao mesmo tempo?!
– Não, jumento! Vou escrever uma história de verdade, sobre a vida como ela é. E vou colocar uns dragões, umas mágicas e uns mortos-vivos.
– Acho que você está louco.
– Veremos!

Leia mais…

Atualização da Bookshelf Tour!

Estante

YEY! FINALMENTE, como prometido, está no ar o vídeo com a última parte do II Bookshelf Tour atualizado! É a parte com minha estante de O Senhor dos Anéis e Harry Potter!

Para assistir, corre no post original! Clique aqui para ser direcionado! ;)

Livro vs Filme: O Noivo da Minha Melhor Amiga

Something Borrowed

Quando esse livro apaixonante (falamos dele aqui) da autora Emily Giffin foi levado para os cinemas, eu não poderia ter ficado mais feliz: já gostava dos personagens e da trama, passei a adorar também a escolha do elenco – nas telonas, Kate Hudson é egocêntrica Darcy, Ginnifer Goodwin é a angelical Rachel, Colin Egglesfield é o indeciso Dexter e John Krasinski é o apaixonante Ethan.

Mas nós sabemos que nem toda obra literária se torna o que esperamos em suas versões cinematográficas e acabam decepcionando os fãs. Por isso, hoje estou aqui para analisar o que foi realmente alterado e o que persistiu nessa passagem (claro que vamos falar só das coisas principais, apenas mudanças que alteraram a narração e a forma de enxergarmos a história) para fazer um balanço geral de O Noivo da Minha Melhor Amiga.

Leia mais…

Na Minha Caixa de Correio #140

Banner Caixa de Correio peq

Mais uma caixa de correio especial! Dessa vez tem tudo o que recebi nesse início de ano. Tem bastante coisa legal e espero ter mais ainda para mostrar nas próximas! ;)

Leia mais…