Resenha: A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista

A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista
A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista
de Jennifer E. Smith,
editora Galera Record.

Editora Galera Record

A vida de Hadley, aos 17 anos, está passando por grandes mudanças inesperadas nos últimos tempos. Como se a separação dos pais não fosse ruim o suficiente, agora ela precisa pegar um avião e posar, feliz e contente, de madrinha no casamento do próprio pai em outro continente!

Tudo seria simples – embarcar na aeronave em um dia, sorrir para algumas fotos e voltar no outro – se não fossem por dois pequenos detalhes: Hadley é claustrofóbica e perdeu o voo por míseros quatro minutos.

240 segundos transformaram a viagem em algo ainda mais torturante, porque agora ela precisa ficar mofando 3 horas dentro de um aeroporto lotado enquanto espera o próximo avião. E Hadley já se prepara para momentos terríveis quando um simpático inglês oferece ajuda e torna a espera um pouco mais agradável.

Oliver estuda nos Estados Unidos e está indo para a Inglaterra ver a família para uma ocasião especial, assim como Hadley, e de cara os dois se dão super bem. E, finalmente, uma coisa boa acontece para a menina: os dois estão praticamente lado a lado na viagem!

A história se desenrola a partir dessa viagem que tinha tudo para ser horrível, mas transforma-se em algo completamente surpreendente e inesperado. Delicado, divertido, envolvente e extremamente fofo, o livro é um vira páginas maravilhoso, perfeito para uma tarde de bobeira.

Hadley é um tantinho medrosa, mas determinada e justa. Oliver é bem-humorado e de arrancar suspiros até dizer chega. Os dois formam uma dupla repleta de diálogos dinâmicos e engraçados, momentos marcantes e meigos.

E os momentos de emoção não se limitam à relação dos dois, mas também em seus relacionamentos com os pais. Ambos têm seus próprios conflitos e precisam lidar com isso, pouco a pouco, página a página, tornando a história mais emocionante e interessante também no lado familiar.

Não é fácil para Hadley entender tudo o que aconteceu e aceitar uma nova pessoa na vida do pai, mas ela realmente tenta compreender a situação e lidar com ela da melhor forma possível. Mesmo que, às vezes, isso acabe influenciando em seu relacionamento com a mãe, com quem também se preocupa e ama.

Apesar do curto espaço de tempo no qual a história se desenvolve, é impossível não acreditar naqueles momentos preciosos que os dois dividiram. E, nessas horas, um pouco de fé, crença no destino e determinação pode mudar tudo. :)

Infelizmente, pelo fato do livro ter apenas 222 páginas, não posso entrar em detalhes maiores, pois poderia acabar entregando surpresas da história. O que posso dizer, sem dúvidas, é que essa leitura me prendeu da primeira até a última página, me deixando completamente envolvida e sorridente. Exatamente como alguém que acredita no amor à primeira vista.

Além de protagonistas ideais para a proposta, o enredo meigo e cativante e a gostosa escrita de Jennifer E. Smith tornaram o livro um must read, principalmente para os fãs de um bom romance caramelado. É para ler com um sorriso bobo e torcer por um final feliz, como sempre. ;)

72 comments

  1. ooi Ju! Adorei a resenha =D
    parece que A Probabilidade Estatística do Amor a Primeira Vista (ufa! que nome grande! haha) é super fofo e divertido de ler, gostei bastante do contexto e penso seriamente em dar uma chance para o lindinho ;)

  2. Oi Juh! Estou louca pra ler esse livro! Já estava antes e sua resenha só me deixou ainda mais ansiosa *-*
    Não curto muito romances, mas sempre acabo me rendendo a esses que são leves, divertidos e beeem fofinhos, que a gente lê em poucas horas, hehe.

    Beijos!

  3. eu amei esse livro, terminei de ler e fui correndo fazer a resenha para tentar mostrar o quanto eu me encantei com a estória, mas não consegui falar tudo que queria. e o que eu mais gostei, diferentemente de você Juh, foi a relação da Hadley como pai, me arrancou muitas lágrimas do meio pro final. mas adorei a sua resenha com um ponto de vista diferente da minha. ótima como sempre.

    http://rehabliteraria.blogspot.com.br/

  4. Aii, adorei a resenha ! Estou procurando um livro fofinho assim desde que li Anna e o Beijo Francês e adorei ! Queria comprá-lo em inglês só por gostar mais da capa americana (: hahahah
    Beijos !

  5. Ai, ai fiquei morrendo de vontade de ler esse livro, to precisando de umas leituras mais leves, mais tranquilas!!!
    Bjin no s2

    PS: Resenha incrível Juh que me deixa com mais e mais vontade de ler o livro,como sempre.

  6. Oi, Juh!
    Eu já tinha ouvido falar sobre tal livro quando ainda não havia previsão de lançamento aqui no Brasil e o plot me deixou com a sensação de que a história era bem juvenil, do estilo ‘filme da sessão da tarde’, sabe? Fico feliz em saber que você gostou do livro porque, pelo tempo que acompanho o blog, notei que temos gostos parecidos, o que significa que provavelmente também gostarei do livro. \o/ A capa dele é linda, mas eu prefiro a original. :/ Sua resenha ficou ótima.

    Abraços õ/
    http://www.garotoleitor.com

  7. Ju, que resenha perfeita! Eu não me empolguei tanto com o título do livro, mas depois de ler seus comentários, fiquei com muita vontade de saber mais da história! ;D

    Beijos!

  8. Só com a sinopse eu já fiquei pensando que o livro seria extremamente fofo e gostoso de ler. E essa capa?? Super linda! Uma coisa que eu não sabia era que os protagonistas eram adolescentes, outro ponto positivo! Obrigada pela resenha, beeijos!!

  9. nossaaa pela resenha esse livro parece ser super bacana e como voce disse Juh que prende desde a primeira pagina até o final…..boa dica de leitura…

  10. Quero muuuiiittto ler esse livro. Li uma resenha negativa e não levei muito em consideração, pois quero tirar minhas próprias conclusões.
    Adorei sua resenha!
    Beijos

  11. Eu estou muuito curiosa para ler esse livro! Eu adoro “romances caramelados” como você disse e estou muuuito ansiosa para lê-lo *-*
    A capa é bem linda e me deixa na espera de um romance bem suave e gostoso de ler *-*
    Beeijos!

  12. Oi Juh,
    Amei a sua resenha. Conhecia a versão em inglês desse livro, mas nunca cheguei a ler. Fico feliz em saber que é um bom livro indicado principalmente para as românticas assumidas como nós! rsrs
    Beijos

  13. Eu já gostei de A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista só pelo nome. Curti a capa. Realmente parece ser aquele livro doce, gostoso de ler. Adorei a resenha.

  14. O livro A Probabilidade Estatística do Amor a Primeira Vista já está na minha lista de próximas leituras, quando li a sua resenha me deu uma grande de antecipar a leitura, mas eu vou dar uma segurada, por enquanto, porque eu tenho muitos livros para serem lidos.
    Bjss

  15. Oi Juh
    Adorei a capa desse livro e o título do mesmo, então já comecei a ler a resenha gostando rs E quando terminei fiquei com mais vontade der ler ainda! Parece ser uma leitura muito leve e gostosa, um livro que eu to precisando ler! Com certeza será uma das próximas leituras (:
    Beijos

  16. Não conhecia esse livro e, de primeira, me interessei muito pelo título. Agora, depois de ler a resenha, estou pesquisando os preços para comprá-lo! Rs!
    Adorei!
    Beijoks

  17. Juh, me deixou super curiosa, pra variar…haha Li a resenha acreditando, no meu íntimo que era o resumo da história, fiquei louca para saber o fim! ~~ Ótimo para a resenhista, que conseguiu transmitir a doçura do livro! =D
    To adicionando no skoob como desejados!
    Beeijos

  18. Awwn, queria muito ler esse. Mas não acho em lugar nenhum, vi na saraiva, acho, mas lá o frete é quase o preço do livro… Podia ter um sorteio :’)

  19. Esse livro parece ser uma fofurinha só, fiquei bem curiosa pra ler, acho que vou comprar pra ler quando quiser mudar um pouco os ares por aqui, ler só fantasia as vezes cansa o cérebro, hahah!

  20. Amei o livro, achei super bem narrado e suspirei pelo Oliver (o cara é simplesmente uma fofura). Outra coisa que eu achei bem legal é que essas 222 páginas se passam em tipo umas 24 horas apenas. É tudo rápido e sem enrolação. Só esperava um final um pouquinho mais romântico, empolgante, sei lá…Mesmo assim vale a pena e, com certeza, é o tipo de livro para devorar em um dia só.

  21. oi juh adorei essa resenha e pelo jeito a historia deve ser bem legal=) Hadley foi sortuda em encontrar um garoto super fofo e ficar super amiga dele !!! beijos

  22. Olá!!
    Adorei a resenha!
    E pelo visto esse livro tende a causar efeito muito similares em todos os leitores, que realmente o acha fofo e leve, exatamente o tipo de leitura que gosto.

    Sempre que leio uma resenha sobre parece que o único problema é não tê-lo. Eu quero!!! rsrs

    Até mais!!
    :*

  23. eu estou com muita vontade de ler este livro, e depois de ler a seu resenha fiquei com mais vontade ainda, parece ser um livro bem legal e gostoso de ler, o tipo de livro que eu gosto para ler no fim de semana..
    mais só tem um problema eu não acho ele em lugar algum ja fui em varias livrarias e nunca acho ele DD:

  24. Oi Juuuh!
    Andava desaparecida por aqui mas estou voltando aos poucos :)
    Acabei de ler este livro há menos de uma hora e nem saboa que tinha resenha aqui, fui procurar a capa dele no Google para comentar no Facebook e, por acaso, o primeiro link era daqui ^^
    Adorei o livro e achei interessante como você usou quase as mesmas palavras que eu para descrever “perfeito para uma tarde de bobeira”. Amei o desfech do livro, a sensação de tantas possibilidades se abrindo no fim… Muito fofo e muito bom. Ótima resenha.

    Beijoos

  25. Oi Juh!

    Li o primeiro capítulo do livro no Skoob e amei a escrita da Smith. Parece ser um livro muito meigo e com sua resenha acredito que o seja.
    Apesar de não estar na lista dos desejados, ficaria feliz de lê-lo.

    Abraços :)

  26. A Probabilidade Estatística de um Amor à Primeira Vista, que nome grande :P Eu não tinha me apaixonado de primeira por esse livro, nunca tinha lido esses romances ditos “fofos”, isso não me encantava. Até que um dia resolvi diversificar os gêneros das minhas leituras e li. Abracei a leitura, apaixonei-me, suspirei muito em um dia. Acabei e queria mais. Esse livro foi uma experiência ótima, demasiadamente envolvente e simplesmente lindo. Toda aquela demonstração de acasos me faz pensar: “E se acontecesse comigo?”. Faz-me imaginar e viajar nas expectivas. Muito bom, tranquilo e o mais importante, o romance entre os protagonistas surgir em cada detalhe, tão natural e perfeito. Ótimo.

  27. De primeira não fui muito com a cara do livro, na verdade não tinha ido muito com a capa do livro, não achei lá grandes coisas. Mas depois de ler algumas resenhas e descobrir que a narrativa se desenrola em 24 horas fiquei super curiosa para ler, principalmente depois de ter lido prólogo e o primeiro capítulo online no site da editora!

  28. Esse livro é uma fofura! Li rapidinho e gostei demais. As conversas do Oliver e da Hadley são muito divertidas, sem falar que o título e a capa são maravilhosos

  29. Oi, Juh!!

    Sou do tipo de leitora que não julga os livros pela capa, sério mesmo, pois sei que existem livros maravilhosos com capas que deixam muito a desejar. Mas esse livro tem uma capa de uma beleza e simplicidade ímpar e eu admito que só o nome do livro me deu vontade de lê-lo; a capa e a sua resenha só apressaram o ato… :)

    Amei o livro, é um romance delicado, que brinca um pouco com o tempo e que fala sobre família também… É simplesmente fofo.

    Suspirei muito pelo Oliver e ri muito lendo os diálogos deles no avião…

    É um livro para ler, como você mesma disse, com um sorriso nos lábios…

    Meus parabéns, ótima resenha. :)

    Beijos!!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *