Resenha: Belle Époque

Belle Époque
Belle Époque
de Elizabeth Ross,
editora Verus.

Editora Verus

Aos 16 anos, depois da morte da mãe, Maude Pichon foi prometida ao velho açougueiro de sua cidade. Obrigada pelo pai a trabalhar na venda da família, sua perspectiva de vida era terrível… Pelo menos até ela decidir deixar a Bretanha para trás e ir se aventurar na bela e efervescente Paris.

Só que a cidade-luz a faz acordar para a realidade bem rapidamente. Depois de muito procurar, Maude acaba em um emprego quase escravo numa lavanderia, com pouco dinheiro no bolso e seus sonhos praticamente destruídos.

Leia mais…

Resenha: O Sentido de um Fim

O Sentido de Um Fim
O Sentido de um Fim
de Julian Barnes,
editora Rocco.

Rocco

“História é aquela certeza fabricada no instante em que as imperfeições da memória se encontram com as falhas de documentação”.

Essa frase está na quarta capa do livro e me chamou a atenção logo de cara. Fiquei muito tempo pensando nela e em seu significado, tentando ver se fazia sentido… E faz, totalmente. Em resumo, como o próprio protagonista sintetiza, “O que você acaba lembrando nem sempre é a mesma coisa que viu”.

Tony Webster é um aposentado na casa dos sessenta anos que mantém uma relação amigável com a ex-mulher, Margaret, e que, apesar do pouco convívio, ama a filha adulta que tem. Levando uma vida simples e sem fazer mal a ninguém, ele vê suas certezas caírem por terra quando uma carta chega às suas mãos.

Leia mais…

Resenha: Réquiem

untitled
Réquiem – Delírio #3
de Lauren Oliver,
editora Intrínseca.

EDITORA Intrínseca

Essa resenha é do terceiro – e último! – livro da série. Se você ainda não leu Delírio e Pandemônio, o texto pode conter comentários sobre acontecimentos anteriores.

Depois do final SURPREENDENTE do segundo livro – o que, basicamente, salvou todo o volume, como comentei na resenha anterior -, estava louca de curiosidade para descobrir o desenrolar da história.

Em Réquiem, a revolta atinge seu ápice e culmina na revolução dos Inválidos. Reguladores estão por todos os lados, inclusive na Selva, e tornam a vida ainda mais complicada. Com recursos escassos e ataques frequentes, Lena e os outros não-curados precisam lutar com ainda mais vontade por suas vidas.

Leia mais…

Resenha: A Aposta

A Aposta
A Aposta
de Rachel Van Dyke,
editora Suma de Letras.

EDITORA Suma de Letras

Está aí um perfeito exemplo de uma combinação de capa + sinopse que criou uma expectativa completamente diferente do conteúdo do livro.

Confesso que talvez devesse ter esperado menos, mas não resisti… Uma aposta e um triângulo amoroso costumam ser ingredientes de ótimas receitas. Mas pequei. Não é que o livro de Rachel Van Dyke não seja capaz de agradar a muitos leitores – ele é. Apenas não foi o que aconteceu comigo – e conto tudo pra vocês abaixo. :)

Kacey e os irmãos Titus eram inseparáveis quando crianças. Enquanto Jake cuidava dela com todo amor e carinho, Travis puxava seu cabelo e detonava suas bonecas – não por acaso ganhou o apelido de Satã. Só que o tempo passou, todos cresceram e seguiram caminhos separados…

Leia mais…

Resenha: Colin Fischer

Colin Fischer
Colin Fischer
de Ashley Edward Miller & Zack Stentz,
editora Novo Conceito.

Editora Novo Conceito

Uma capa criativa e muito sedutora. Poucas páginas. Pouco tempo para ler. A combinação desses três fatores me levou diretamente até Colin Fischer. Sem arrependimentos!

Colin é um jovem de 14 anos que carrega cartões de anotações e um caderno bastante usado para todos os lados. Ali estão informações preciosas sobre convívio e interação social, além das expressões faciais mais diferentes que ele conseguiu reunir ao longo do tempo.

A ideia é que sua vida ficasse mais fácil, mas nem sempre isso pode ajudar. Portador da síndrome de Asperger, ele detesta ser tocado por qualquer pessoa e abomina a cor azul, mas possui um vastíssimo conhecimento científico, um raciocínio lógico excepcional e uma série de ídolos interessantes – inclusive detetives.

Leia mais…

Resenha: Querida Sue

Querida Sue
Querida Sue
de Jessica Brockmole,
editora Arqueiro.

Editora Arqueiro

Todo mundo que acompanha o blog sabe que eu sou uma romântica incurável, apaixonadíssima por histórias de amor açucaradas – mesmo aquelas que não têm um final feliz, exatamente como a vida pode ser.

Quando li a sinopse de Querida Sue tive a certeza de estar diante de um livro que me encantaria, ainda que pudesse ter uma história clichê, mal escrita ou pouco envolvente. Não estava errada… E a melhor parte? O livro é bem escrito, extremamente envolvente e com clichês sutis.

Leia mais…

Resenha: O Segredo do Meu Marido

O Segredo do Meu Marido
O Segredo do Meu Marido
de Liane Moriarty,
editora Intrínseca.

EDITORA Intrínseca

Fui atraída pela capa, linda, em primeiro lugar. Depois, o título sugeria uma espécie de romance com reviravoltas, lágrimas e possíveis corações partidos. Fiquei interessada, mas não procurei sinopse, fugi das resenhas e não criei expectativas maiores até o livro chegar às minhas mãos.

Certamente fui pega de surpresa com um suspense dramático. E mais ainda ao saber que era aquele tipo de história que interliga a vida de várias pessoas por conta de um fato só. Bem o tipo que costumo gostar.

Leia mais…

Resenha: Um Caso Perdido

Um Caso Perdido
Um Caso Perdido – Hopeless #1
de Colleen Hoover,
editora Galera Record.

Editora Galera Record

Leio muitos livros YA/NA, histórias de romances fofos e adolescentes, coisas que curto desde sempre. Nesse meio existem muitos livros bons, vários que eu gostei e me envolvi, mas há muito tempo não encontrava um livro como esse.

Um Caso Perdido (título que entendi, mas não gostei em português) é absolutamente encantador, envolvente, realista, fofo, crível, gostoso de ler e impossível de largar. Amei cada páginas, do início ao fim. E agora vou tentar explicar os motivos. :)

Sky tem 17 anos, não tem celular, televisão ou computador. Sua mãe adotiva desde sempre aboliu a malvada tecnologia de suas vidas e a educou em casa – algo comum nos Estados Unidos. Agora, porém, influenciada por sua melhor amiga e vizinha, Six, a menina insistiu em ser matriculada na escola pública e está prestes a começar esse novo desafio…

Leia mais…

Resenha: A Escolha

A Escolha
A Escolha – A Seleção #3
de Kiera Cass,
editora Seguinte.

EDITORA Seguinte

Essa resenha é do último livro (pelo menos por enquanto) da série A Seleção. Se você ainda não leu o primeiro ou A Elite, esse post pode conter algumas informações reveladoras sobre o enredo.

Eram trinta e cinco belas jovens interessadas no coração – e na coroa – do príncipe. Agora, restam apenas America, Celeste, Elise e Kriss, as quatro que chegaram mais longe, mas apenas uma será a escolhida.

Depois de ter praticamente caído de paraquedas na Seleção, America se transformou da candidata com menos chances naquela que quase certamente já tinha conquistado o príncipe Maxon. O problema, porém, é que o carinho que ainda nutre por Aspen, suas atitudes impulsivas e o próprio rei estão cuidando para dificultar as coisas.

Leia mais…

Resenha: Eu Nunca… – The Lying Game #2

Eu Nunca
Eu Nunca… – The Lying Game #2
de Sara Shepard,
editora Rocco.

Rocco

Todo mundo que acompanha o blog sabe que sou mais que suspeita para falar de qualquer livro da Sara Shepard. Sou fãzona da série Pretty Little Liars e, no geral, as histórias meio doentias da autora me deixam presa do início ao fim.

Na minha humilde opinião, O Jogo da Mentira não tem a mesma qualidade de PLL. É como se a autora repaginasse algumas ideias que ela já usou na primeira série, mas usando protagonistas gêmeas – sendo que, uma delas, morta.

Apesar disso, achei o primeiro livro legal, mas não tanto quanto o segundo. Tudo o que me fez gostar da autora está lá, todas as intrigas, suspeitas, alarmes falsos… Tudo! E isso me fez devorar a história em pouco tempo.

Leia mais…